sábado, 12 de setembro de 2009

Bonito (Mato Grosso do Sul) Hotel Gira Sol


Bonito - Mato Grosso do Sul Não há como ignorar o trocadilho: Bonito é realmente muito bonito. A natureza foi ímpar em suas atribuições, e os privilegiados foram os turistas, que a cada ano descobrem, no Mato Grosso do Sul, a 278 quilômetros da capital do estado, Campo Grande, esse paraíso. As atrações vão da simples contemplação - que em Bonito ganha um novo sentido - à mais pura adrenalina, especialmente concebida para os adeptos dos esportes radicais. Bonito fica na Serra da Bodoquena - que abriga a maior extensão de florestas preservadas do Mato Grosso do Sul - e possui o maior aquário natural de água doce do Brasil. As opções de diversão e aventura são inúmeras: trekking, banhos de cachoeiras, grutas de águas cristalinas, como a belíssima Gruta do Lago Azul, flutuação nas correntezas de rios como Sucuri, da Prata e Formoso, rafting, mergulho autônomo (com cilindros de oxigênio), trilhas de bike, rapel, parapente, ultra-leve. O santuário ecológico ainda preserva uma admirável diversidade de espécies animais e vegetais. O mais impressionante é observar a riqueza que habita o fundo de rios e lagoas. A visibilidade das águas da região, garantida pela alta concentração de calcário, que funciona como agente purificador, permite que o turista desfrute desse privilégio. O sucesso do turismo em Bonito está intimamente ligado à preservação da natureza. Qualquer passeio nesse santuário é acompanhado por um guia local registrado. Nesse contexto, foram criados o Parque Ecoturístico da Bodoquena e o Projeto Vivo. O primeiro é uma iniciativa da ONG Instituto Peabiru de Ecoturismo e inclui passeios em canoas canadenses, mountain bikes, cavalos e trekking. Já o segundo, promove trekking, rafting no Formoso, passeios a cavalo e atividades especiais para crianças utilizando papel reciclado e reciclagem de lixo. Ambos são empreendimentos de lazer associados à educação ambiental e procuram mostrar como é possível aliar conservação da natureza, ecoturismo e geração de empregos.

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

video

ANDRÉ VEICULOS PARCEIRO DO PAULISTA

FIANCIAMOS E REFINACIAMOS O SEU VEÍCULOS
WWW.ANDREVEICULOSEUTILITARIOS.COM.BR
Para você > Financiamento de Veículos


Financiamento de Veículos



O Financiamento de Veículos Banco Paulista é uma linha de crédito especial para você trocar ou adquirir um veículo novo ou usado, pagando em prestações que cabem no seu bolso e no prazo adequado à sua necessidade.

O que você pode financiar:

Automóveis (0 km a 1989)
Utilitários (0 km a 1989)
Caminhões (0 km a 1984)

Vantagens:

Ampla rede de lojas credenciadas
Atendimento personalizado
Taxas competitivas
Pagamento em até 60 meses
Contratação facilitada*
Não é necessário avalista
Não é necessário ser nosso correntista.

Para maiores informações, entre em contato com nossa Central de Atendimento, pelo telefone 0800-770-6096.

Horários de atendimento
Segunda a Sexta: 8h00 às 20h00
Sábado: 8h00 às 14h00
OUTRAS SECRETARIAS
Selecione Assistência Social Comunicação Cultura Educação Esportes Desenvolvimento Urbano Finanças Gestão e Desburoratização Governo Habitação Infra-estrutura Urbana Negócios Jurídicos Participação e Parceria Pessoa com Deficiência Planejamento Relações Internacionais Saúde Segurança Urbana Serviços Subprefeituras Trabalho Transportes Verde e Meio Ambiente


Transporte Escolar Gratuito

TEG


* O que é o Transporte Escolar Gratuito?
O programa de Transporte Escolar Gratuito - TEG - foi criado pela Prefeitura de São Paulo a partir do Decreto 41.391, de 2001, substituído depois pela Lei 13.697, publicada no Diário Oficial do Município em 23 de dezembro de 2003.
O objetivo principal do programa é garantir o acesso seguro à escola a alunos carentes matriculados na rede municipal de educação infantil e ensino fundamental.

* Como é feito o atendimento?
O Transporte Escolar Gratuito leva as crianças de suas residências até a escola e depois das aulas, as transporta de volta para casa. Os veículos do TEG são sempre identificados. Em sua grande maioria são operados por pessoas físicas, mas há também condutores vinculados a cooperativas contratadas e a pessoas jurídicas. Cada um destes operadores transporta cerca de 20 crianças por viagem, sempre com a ajuda de um monitor.

* Quais são os critérios de escolha dos alunos?
A coordenação das escolas municipais de São Paulo é de competência das Coordenadorias de Educação instaladas nas 31 Subprefeituras da cidade. As Coordenadorias de Educação efetuaram recentemente, através das escolas, novo cadastramento das crianças que necessitam do transporte escolar gratuito. Critérios determinados pelo decreto que criou o TEG priorizam o atendimento dos alunos:
• portadores de necessidades especiais;
• com problemas crônicos de saúde;
• de menor faixa etária;
• de menor renda familiar;
• que residam a uma maior distância da escola.

* Como está a licitação para a prestação de serviço no TEG?
A licitação está suspensa aguardando desfecho de discussão judicial.


Atualizado em 24/06/2009